Nos últimos dez anos tivemos 40 acidentes graves envolvendo resíduos de mineração no planeta. E boa parte da culpa pode estar aí na sua mão ou no seu bolso, no seu aparelho celular.
Estudos já apontam relação entre o crescimento do consumo de celulares e o aumento de vazamentos e rompimentos de barragens de mineração. Em resumo, à medida que aumenta nossa avidez por novas tecnologias, os reservatórios de resíduos de mineração crescem em número e tamanho e, portanto, o risco de rompimento também aumenta.
Dentro destes aparelhos maravilhosos que tanto gostamos estão metais conhecidos como ferro, alumínio, cobre e ouro. Mas também há uma lista de 17 metais menos populares como disprósio, praseodímio e térbio. A inteligência do celular se deve aos componentes feitos com este metais raros. Acontece que extração destes metais é difícil e poluente gera enormes quantidades de resíduos muito tóxicos.
A boa notícia é que nós consumidores de smartphones podemos ajudar a mudar esta realidade. Primeiro cobrando que os fabricantes ampliem a vida útil dos produtos, tornem a reciclagem mais fácil e sejam transparentes sobre como conseguem os metais dos aparelhos. E também consumindo estes apetrechos de forma menos modista e mais consciente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s