O brasileiro está mais aberto quando o assunto é adoção.
Até um tempo atrás a maioria das pessoas interessadas em adotar crianças por aqui alegava preferência por bebês brancos.
Mas agora a coisa mudou.
Cerca de 40% dos candidatos a adoção não se importam com a cor da pele da criança.
E os que preferem crianças com menos de um ano são apenas 16%.
As informações estão no Cadastro Nacional de Adoção.
Para especialistas os motivos para esta boa notícia são as campanhas de conscientização e o bom papel que a justiça vem desempenhando.
Afinal, o desafio ainda é grande. Hoje mais de cinco mil crianças e jovens ainda esperam por adoção no Brasil.
A maioria é negra e tem mais de um ano de idade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s